Domingo, 6 de Julho de 2008
Só Visto 385 - Pornografia para resolver conflito do Médio Oriente

O sexo é o caminho para a paz no Médio Oriente. Pelo menos para os criadores do site de entretenimento para adultos Parpar1. Lembrando o slogan «Make Love Not War» («Faça amor não guerra»), o site reúne filmes pornográficos com mulheres e homens judeus ou árabes israelitas, escreve o site brasileiro Globo. Fundado por dois profissionais da área de tecnologia de informação de Tel Aviv, a página contém vídeos, a maioria dos quais com um elenco formado por amadores, com títulos curiosos como «A filha do rabi», «Orgia em Jerusalém» ou «Lésbicas kosher». Em entrevista ao jornal Forward, Avi Levy, um dos criadores do site, afirma que o serviço foi criado tendo apenas em vista os lucros. «Eu não sou político. Estou aqui para ganhar dinheiro», diz Levy, «mas é claro que eu não acho que um árabe é um ser inferior a um judeu». No entanto, a postura «politizada» é uma das grandes responsáveis pelo sucesso inicial do site. «Era um nicho ainda inexplorado na pornografia: sexo explícito entre árabes e judeus», explica Levy.



publicado por Master Roshi às 11:50
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Setembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9

19
20

22
24
27

29
30


posts recentes

Só Visto 469 - Falta de s...

Só Visto 468 - Grupo de a...

Só Visto 467 - E o prémio...

Só Visto 466 - Roubou qua...

Só Visto 465 - Têm de pro...

Só Visto 464 - Cobras fun...

Só Visto 463 - Número oit...

Só Visto 462 - Peixe de t...

Só Visto 461 - Tribunal r...

Só Visto 460 - Macaco «br...

arquivos

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds