Segunda-feira, 25 de Agosto de 2008
Só Visto 436 - Casou com a noiva que já tinha morrido em 2004

Um pintor francês de 68 anos, Jean-Louis Ronzier, casou este sábado a título póstumo com a companheira com quem viveu mais de uma década, mas que tinha falecido em 2004, com 52 anos. Para conseguir casar a título póstumo foi necessário obter uma autorização especial do presidente francês, Sarkozy, que, segundo o Código Civil francês pode permitir um casamento póstumo «por motivos graves», se um dos futuros esposos falecer depois de cumprir as formalidades oficiais que provem, sem qualquer dúvida, o seu consentimento. Ronzier e a sua companheira, Martine Cazenave, não puderam consumar o casamento porque ela adoeceu e morreu dois meses antes da data marcada para o enlace.



publicado por Master Roshi às 13:48
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Setembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9

19
20

22
24
27

29
30


posts recentes

Só Visto 469 - Falta de s...

Só Visto 468 - Grupo de a...

Só Visto 467 - E o prémio...

Só Visto 466 - Roubou qua...

Só Visto 465 - Têm de pro...

Só Visto 464 - Cobras fun...

Só Visto 463 - Número oit...

Só Visto 462 - Peixe de t...

Só Visto 461 - Tribunal r...

Só Visto 460 - Macaco «br...

arquivos

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

blogs SAPO
subscrever feeds