Segunda-feira, 25 de Agosto de 2008
Só Visto 436 - Casou com a noiva que já tinha morrido em 2004

Um pintor francês de 68 anos, Jean-Louis Ronzier, casou este sábado a título póstumo com a companheira com quem viveu mais de uma década, mas que tinha falecido em 2004, com 52 anos. Para conseguir casar a título póstumo foi necessário obter uma autorização especial do presidente francês, Sarkozy, que, segundo o Código Civil francês pode permitir um casamento póstumo «por motivos graves», se um dos futuros esposos falecer depois de cumprir as formalidades oficiais que provem, sem qualquer dúvida, o seu consentimento. Ronzier e a sua companheira, Martine Cazenave, não puderam consumar o casamento porque ela adoeceu e morreu dois meses antes da data marcada para o enlace.



publicado por Master Roshi às 13:48
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Setembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9

19
20

22
24
27

29
30


posts recentes

Só Visto 469 - Falta de s...

Só Visto 468 - Grupo de a...

Só Visto 467 - E o prémio...

Só Visto 466 - Roubou qua...

Só Visto 465 - Têm de pro...

Só Visto 464 - Cobras fun...

Só Visto 463 - Número oit...

Só Visto 462 - Peixe de t...

Só Visto 461 - Tribunal r...

Só Visto 460 - Macaco «br...

arquivos

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds