Sábado, 30 de Agosto de 2008
Só Visto 441 - Preso por ter muitas mulheres

As autoridades na província de Jizan, na Arábia Saudita, estão a investigar um agente da polícia religiosa saudita acusado de ter seis esposas, quando a lei só permite quatro. Segundo o jornal saudita al-Watan, o homem de 56 anos foi preso na província de Jizan, perto da fronteira com o Iémen. O jornal afirma que três das esposas são sauditas e as outras três iémenitas. O homem negou as acusações e explicou que se divorciou de duas delas e é casado apenas com as quatro permitidas por lei. Segundo a lei islâmica, as quatro esposas devem ser tratadas de forma igual pelo marido.

Divórcio prejudica mais as mulheres

Os integrantes da polícia religiosa da Arábia Saudita podem impor a severa interpretação do Islão na Arábia Saudita, principalmente no que diz respeito ao relacionamento entre os sexos. Em Junho, o Ministério Saudita de Assuntos Sociais apresentou a proposta de tornar obrigatório um curso para noivos. O curso visa diminuir o crescente número de divórcios entre os casais, principalmente entre os mais jovens. Especialistas afirmam que o divórcio prejudica mais a mulher, pois é muito difícil para uma saudita conseguir um segundo casamento.



publicado por Master Roshi às 02:49
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Setembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9

19
20

22
24
27

29
30


posts recentes

Só Visto 469 - Falta de s...

Só Visto 468 - Grupo de a...

Só Visto 467 - E o prémio...

Só Visto 466 - Roubou qua...

Só Visto 465 - Têm de pro...

Só Visto 464 - Cobras fun...

Só Visto 463 - Número oit...

Só Visto 462 - Peixe de t...

Só Visto 461 - Tribunal r...

Só Visto 460 - Macaco «br...

arquivos

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

blogs SAPO
subscrever feeds